Quais os modelos de cortina infantil para quarto de bebê?

As cortinas também oferecem privacidade, sendo que é muito comum que as crianças fiquem incomodadas sem elas ou se sintam mais curiosas e agitadas com sons e movimentos em excessivos. 

As cortinas infantis são um elemento muito importante na decoração e no conforto do quarto. Por ser o lugar em que a criança passa boa parte de sua infância, o quarto deve proporcionar a luminosidade adequada para evitar o desconforto visual.

As cortinas também oferecem privacidade, sendo que é muito comum que as crianças fiquem incomodadas sem elas ou se sintam mais curiosas e agitadas com sons e movimentos em excessivos.

Mas, além de ser um elemento de decoração, elas podem ajudar a climatizar o quarto e impedir que microrganismos e poluentes entrem. A cortina infantil impede a passagem de correntes de ar e aquecem com a luz.

Na hora de escolher uma cortina para quarto de seu filho, lembre-se de criar um ambiente mais tranquilo, de preferência com cores mais neutras.

Tipos de cortinas infantis

As cortinas infantis podem ser separadas conforme o tipo de material de que são feitas:

  • 100% Algodão
  • Microfibra
  • Misto
  • Oxford
  • Voil
  • Lack out
Principais marcas de cortinas infantis do mercado

  • Santista
  • Guga Tapetes
  • Lepper
  • Casa Scarpa
  • Vivart
  • Bella
  • Isadora Design
  • Dohler
  • Evolux
  • Gihan e Ahmad

  Veja os testemunhais de usuários sobre cortina infantil para quarto de bebê

A grande vantagem da cortina para quarto de bebê é o funcionamento como barreira natural para o sol e para o calor, evitando com que o ambiente fique muito quente ou sofra com os raios solares. Assim, ajuda a preservar a saúde da criança, principalmente das menores, que não tem discernimento para se esquivarem dos raios solares. O item também confere um charme a mais na decoração, possibilitando um elemento lúdico que seja de agrado da criança, com temas infantis ou até mesmo educacionais.
O item precisa ser constantemente lavado, a fim de não acumular ácaros, bactérias e mofo prejudiciais à saúde dos pequenos. Além disso, é possível que, embora o objeto ainda esteja na sua vida útil, você precise efetuar a troca antes do tempo, em razão da mudança frequente nos gostos dos pequenos, especialmente se tiver adquirido uma cortina com motivos infantis atuais que estejam mais visados no momento.
Bruna , Porto Alegre, RS


Pode ser feita ou comprada de materiais diversos.
O mais indicado é que seja de um material que não haja muito acumulo de poeira e que seja de fácil retirada, lavagem, secagem e reposição.
Preferencialmente que seja de um material leve e translucido, para que a luz do dia possa ultrapassar a barreira.
pode-se colocar ao fundo da cortina uma outra mais escura para baixar a claridade para o bebê dormir com a claridade mais baixa, assim não prejudicando o soninho.
Existem um leque de estampas, texturas, cores e tecidos, fica a escolha da mamãe. Assim como também a futura mamãe pode escolher o tecido que mais lhe agrada e fazer sob medida.

Karina de França Hernandes, Curitiba PR


Quando se descobre uma gravidez, descobre-se também um universo cheio de dúvidas. Entre as principais dúvidas que tive quando descobrir minha gestãção era sobre como decorar o berço do bebê. Assim que descobrir o sexo corrir para montar o quarto, eram muitas dúvidas de qual decoração escolher. O mundo de decoração infantil é outro universo. Quando fui escolher o modelo de cortina para o quarto, preferi os modelos curtos que ficavam na janela, a preferência pelo modelo curto foi devido a preocupação da cortina ficar presa ao berço, já que ficavam um pouco próximos. O modelo de estampa a se escolher depende muito do tipo de decoração para o quarto, o modelo liso combina com todos os tipos.
É necessário ressaltar a importância de não colocar a cortina perto do berço, se for coloca-lá perto posicione-a acima do berço, para não correr o risco do bebê se enrolar com a cortina
Samara Barboza Lima, Irece-Bahia